terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

Diretrizes Curriculares Nacionais para Educação Infantil

Olá Pessoal!
    Quero agradecer a todos que tem acessado o blog e enviado emails para comentá-lo. Está sendo muito boa essa interação.
     Hoje deixo para vocês as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil que foi homologada em 17 de dezembro de 2009, após um processo democrático que envolveu audiências públicas em diferentes cidades do Brasil, incluindo São Paulo, na qual eu participei.
      É imprescindível que conheçamos essa lei pois são os princípios e determinações ali expostas que regem a educação infantil em nosso país. 
      Um grande abraço!
    http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&task=doc_download&gid=2298&Itemid=

42 comentários:

  1. Oi Janaína!
    Parabéns pelo seu blog. Muito bacana. Amei a sua definição :"apaixonada pela infância".
    Já virei seguidora.
    Bjs
    Paula Louzano

    ResponderExcluir
  2. Oi Jana!

    Muito boa sua iniciativa de compartilhar achados e trocar opiniões. Achei admiravel sua disponibilidade e só ganhamos com essa postura.
    A dica do livro da usp é ótima, também ando divulgando e vou dar uma olhada nesse livro com os links.
    Espero de vez em quando ter conribuições a dar.
    Bom trabalho!!
    Bjs
    Teresa (parceira de FC)

    ResponderExcluir
  3. Olá JAnaina, muito boa sua idéia. Vou vira seguidora.

    ResponderExcluir
  4. Olá Janaína,
    vc poderia me tirar uma dúvida?
    Quais documentos regem a rede particular de educação infantil? O RECNEI ainda?
    Ficarei muito grata se me responder pcmnv@hotmail.com
    Obrigada.
    Paula Cristina.

    ResponderExcluir
  5. Olá Janaina,
    por favor me esclare um dúvida: o que rege a rede particular de educação infantil? O RECNEI ainda?
    Agradeço muito se puder me responder paulacrist2011@gmail.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Paula!
    Eu lhe respondi por email, mas o reproduzo aqui, pois essa pode ser uma informação útil para outras pesosas.
    O Referencial Curricular de Educação Infantil não é obrigatório, trata-se somente de uma referênca que pode ser ou não utilizado pelas escolas de Educação Infantil públicas ou particulares. Ele está sendo reformulado pelo Ministério da Educação, pois já tem 12 anos e muitas pesquisas ocorreram na área desde então.
    São as Diretrizes Curriculares que regem todas as instituições de educação infantil. (escolas públicas, particulares, Centros de Educação infantil e todas as outras denominações), esta é a Lei da Educação Infantil. As primeiras Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil são de 1999, mas foram reformuladas no ano passado. A que você encontra aqui no blog, já é a versão atualizada. Recomendo que baixe também o parecer das Diretrizes, pois lá tem todo o histórico dos documentos da nossa área.
    Espero ter lhe ajudado,
    Abraço,
    Janaina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi estou fasendo uma pesquisa sobre as DCN sobre quais os pontos positivos e quais os pontos negativas das DCN na educação infantil basileira. lurdes.

      Excluir
  7. Olá novamente Janaína,
    Já li algumas coisas sobre a Educ Infantil mas continuo com uma angústia. Também sou professora de anos iniciais,tenho mestrado em Educação Ambiental pela Universidade de Brasília, mas Educ Infantil é uma áre q não domino bem.
    O problema está acontecendo com minha filha q tem 4 anos, neste ano fez o pré I, a escola dela adotou um livro que não gostei muito. Tem muito pontilhado, introduzem as letras a partir de palavras não significativas para as crianças,por ex QUATI, para a letra Q. Percebo que estão forçando a barra para já alfabetizá-la enquanto que outras habilidades próprias da Educ Infantil estão sendo deixadas para trás: minha filha não sabe recortar direito (coordenação motora) e , correr, pular, saltar, (psicomotricidade) noção espaço temporal, lateralidade, tudo isso é pouco trabalhado.
    Estou lendo algumas coisas para ir argumentar com a professora e coordenadora, mas descobri que as escolas particulares de Educ Infantil são meia q autônomas, podem escolher a metodologia, inclusive a tradicional se quiserem.Se não for abuso da minha parte e se vc tiver tempo, poderia me responder:
    Onde encontro essa orientação metodológica para Ed Infantil?
    É correto ainda utilizar o pontilhado? Ou só ensinar o traçado?
    É correto minha filha chegar ao final do ano q vem com 5 anos já dominando a letra cursiva?
    O q vc acha de já começar a alfabetização com 5 anos e com 4 anos apenas focar esta parte de ling escrita?
    Vc sugere algum material para eu baixar da internet para ter argumentos para conversar com a professora?
    Fico muito agradecida se puder responder.
    Abraços,
    Paula.

    ResponderExcluir
  8. Oi Janaina, estou com uma grande dúvida e agradeceria se você pudesse me ajudar. Meu filho tem 5 anos (completos em dezembro de 2010) e quando fui matriculá-lo numa nova escola, a coordenadora disse que ele faria o nível IV por causa da idade - mesmo que eu tenha levado uma declaração da antiga escola informando que ele já havia cursado este nível. Então o que eu faço? Ele vai perder um ano repetindo o mesmo nível ou tenho como argumentar com a escola? Em que posso me apoiar - uma lei ou resolução - para mudar isso?
    Obrigada pela atenção,
    Rafaela

    ResponderExcluir
  9. Ola Rafaela!
    Se o seu filho completou 5 anos em dezembro, ele irá permanecer na educação infantil.
    Quanto ao nível que ele irá cursar vai depender da nomenclatura da instituição: jardim, grupo 5, nivel,...
    Quanto a "repetição" de nível, eu não me preocuparia. Nós não dividimos a educação infantil por séries estagnadas e fixas (ou pelo menos não deveríamos). As mesmas experiências oferecidas pelas crianças em uma idade são vividas de maneira diferente por elas quando são mais velhas, assim para elas não tem esse caráter de repetição.
    Espero poder ter ajudado.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  10. legal o blog.
    Sou Conselheiro tutelar em São Francisco do Sul SC e estamos recebendo uma demanda grande de reclamação de pais de crianças que completaram 4 anos e até então tinham atendimento integral na rede do municipio e a partir deste ano só podem ficar meio periodo.
    Gostaria que fosse postado algo referente a essa situação a nivel nacional.

    ResponderExcluir
  11. Oi Marcos!
    Obrigado pela dica de postagem!
    Acredito que essa é uma situação que deve estar se tornando comum no país, já que com a obrigatoriedade da ida das crianças de 4 e 5 anos `a educação infantil, a demanda aumentou bastante.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  12. Olá Janaina, parabéns pelo seu blog! Gostaria que se possível você publicasse as questões levantadas pela Paula, pois tenho essas mesmas dúvidas. Como também se possível, você me esclarecesse o que é uma proposta pedagogica, se é o mesmo que projeto político pedagogico. Obrigada.

    ResponderExcluir
  13. Oi Morga!
    Estou escrevendo um texto para discutir essas questões e em breve publico no blog para todos os interessados.
    Obrigada por acessá-lo!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  14. Olá Janaina!
    Gostei do Blog, pois é atualizado e traz questões relevantes para a educação infantil.
    Sou professora da educação infantil há 20 anos e apaixonada pelo que faço...

    Abraços,
    Simonha

    ResponderExcluir
  15. Oi Morga!
    Não consegui ainda postar o texto, mas a proposta pedagógica está dentro do Projeto político Pedagógico que é mais amplo.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  16. Olá Janaina!
    Gostaria q vc me ajudasse a esclarecer algumas duvidas, sobre a normatização propostas nas Diretrizes Curriculares Nacionais para Educação Infantil(2010) e sua influencia na formaçao do professor de educação infantil.
    E quais os conhecimentos relativos às Diretrizes curriculares.
    Certa de que serei atendida, desde já agradeço e parabéns pelo blog...

    ResponderExcluir
  17. Olá, sobre as diretrizes da educação infantil, preciso saber se depois de 31 de março pode ser encerrada as inscrições para o jardim. E transferencia de uma escola para outra, sou obrigada aue receber independente da epoca do ano?

    ResponderExcluir
  18. oi eu gostaria de saber por que é necessario a nova diretrizes na educação infantil

    ResponderExcluir
  19. Olá! O dia 31 de março não se trata da data do encerramento das inscrições das crianças na Educação Infantil, ou seja, não impede que ela possa ser matriculada a qualquer tempo durante o ano letivo. Essa data refere-se a sala em que ela deve ser matriculada. No caso da ida ao fundamental,por exemplo, se a criança completa 6 anos antes de 31 de março daquele ano deve ir para o fundamental, se aniversaria após, permanece no infantil. Abraço!

    ResponderExcluir
  20. Olá, baixei as diretrizes e fiquei confusa com o parágrafo 3, está assim.

    § 3º As crianças que completam 6 anos após o dia 31 de março devem ser
    matriculadas na Educação Infantil.

    as crianças que completam 6 anos não deveriam ser matriculadas no ensino fundamental?

    ResponderExcluir
  21. Olá!
    É isso mesmo! Crianças que completam 6 anos após 31 de março devem ficar na Educação Infantil porque são mais novas do que aquelas que completam antes dessa data.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  22. ola janaina boma dia eu queria saber qual a importaçia na diretrizes na formaçaõ teorica e pratica de professor de educação infantil?
    obrigrada amei o q vc escreve bjn

    ResponderExcluir
  23. Olá Janaína, td bem? meu nome é Ana Cláudia e moro na cidade de cacoal Rondônia,preciso fazer um texto sobre: A IMPORTÂNCIA DAS DIRETRIZES NA FORMAÇÃO TEÓRICA E PRÁTICA DO PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL, mas confesso que não sei nem por onde começar, seráque teria como vc me ajudar a conclui-lo? Estou cursando o quinto semestre. desde já lhe agradeço. Bjs

    ResponderExcluir
  24. Esqueci de colocar meu email, anaclaudiadsz31@hotmail.com bjs ana cláudia

    ResponderExcluir
  25. Oi Ana Claudia!
    Indico a você o texto de Zilma Ramos, intitulado "O currículo na educação infantil: o que propõe as novas diretrizes? Segue o link: http://pedagogiacomainfancia.blogspot.com.br/search/label/Referencial%20te%C3%B3rico

    Abraço!

    ResponderExcluir
  26. oi Janaina !Parabéns pelo blog...
    sou estudante do curso de pedagogia e tenho q fazer um trabalho sobre a importância das Diretrizes Curriculares para a Educação Infantil. o que propõem as novas diretrizes nacionais da professora Zilma de Morais R.de Oliveira,com a intencionalidade de desenvolver a formação e atuação do professor de Educação Infantil.já percebi q vc é expert no assunto e gostaria mt de contar com a sua ajuda.
    desde ja muito obrigada.
    bjs

    ResponderExcluir
  27. esquecir de colocar meu email :ivaninhasantos_mel@hotmail.com

    ResponderExcluir
  28. esqueci de colocar meu email:ivaninhasantos_mel@hotmail.com

    ResponderExcluir
  29. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  30. Oi Ivana!
    Pode escrever um email para: jmaudonnet@yahoo.com.br
    Abraço!

    ResponderExcluir
  31. Olá, estou estudando para um concurso e estou com uma duvida sobre essa questão. Possuo duas respostas A e D.
    A primeira questão esta correta mas acredito que ela faça parte Dos recursos financeiros. Art 69 da LDB e nao do Art 70 que trata da manutençao, mas não tenho certeza.
    Com relação a segunda nao sei se despesas com pessoal administrativo é ou nao considerada despesa de manutençao, e quando fala aquisição de merenda significa a mesma coisa que programas suplementares de alimentação? e onde se encaixa materiais de escritorio para escolas e materiais de limpeza?

    Por favor me ajude se possível, pois estou a tarde toda lendo esse trecho da LDB e não consigo chegar a uma conclusão.
    Desde já agradeço.


    QUESTÃO

    Quando à manutenção e o financiamento da educação podemos afirmar
    como (F) falso ou (V) verdadeiro:
    ( )
    A União aplicará, anualmente, nunca menos de dezoito, e os
    Estados, o Distrito Federal e os municípios, vinte e cinco por
    cento, ou o que consta nas respectivas Constituições ou Leis
    Orgânicas da receita resultante de impostos, compreendidos as
    transferências constitucionais, na manutenção e desenvolvimento
    do ensino público.

    ( )
    Não serão consideradas como despesas de manutenção e
    desenvolvimento do ensino, as despesas com remuneração do
    pessoal administrativo, aquisição de merenda, materiais de
    escritório para escolas e materiais de limpeza.

    ( )
    Não constituem despesas de manutenção e desenvolvimento de
    ensino aquelas realizadas com pesquisa, quando não vinculada
    às instituições de ensino, ou, os programas suplementares de
    alimentação, assistência médico-odontológica, psicológica e
    outras formas de assistência social.

    ( )
    São despesas consideradas como manutenção e
    desenvolvimento de ensino, as despesas com aquisição,
    manutenção e construção de escolas, levantamentos estatísticos,
    estudos e pesquisas visando precipuamente ao aprimoramento
    da qualidade e expansão do ensino.

    A seqüência correta é:

    a) V, F, V e V.
    b) F, F, V e V.
    c) F, V, F e V.
    d) V, F, V e F.

    ResponderExcluir
  32. Oi Janaina,sou pedagoga e gostaria de saber um pouco sobre Psicopedagogia Institucional e em orgãos posso trabalhar nessa área? Me responda por email Zuilma.mendes@hotmail.com

    ResponderExcluir
  33. EU QUERO SABER 3 PONTOS POSSITIVO E 3 NEGATIVOS DAS DCNNA EDUCAÇÃO INFANTIL?

    ResponderExcluir
  34. Janaina parabéns pelo blog. Gosataria de saber quais pontos positivos e negativos nas diretrizes curriculares nacionais da educação infantil. Obrigada.

    ResponderExcluir
  35. Janaina, vc acha necessario fazer planejamento( escrito) para o berçario?
    Desenvolvo atividades de cordenação motora, cognitiva e socio afetiva com eles.

    ResponderExcluir
  36. Tenho uma aluna que fez 1 ano dia 21/03/12 ( está começando a dar uns passinhos agora)e ela ainda tera que frequentar o maternal I, II, III; 1º e 2º período. Como fica a situação dela, sabendo que aos 6 anos ela deveria ir para o 1º ano do Ensino fundamental?

    ResponderExcluir
  37. Bom dia, Janaina.

    Meu filho fará 6 anos em junho do ano q vem e estou pensando em pleitear junto à escola q ele seja matriculado no primeiro ano, pois já esta na escola em q estuda desde 1 ano e 7 meses e ele já sabe o alfabeto, já escreve seu nome e sobrenome em letra cursiva, já domina cores, formas, números, pinta dentro do espaço delimitado. Gostaria de saber se posso tentar q ele entre no primeiro ano ou ele é obrigada a cumprir o Infantil III? Por favor, me dê sua opinião para que não tenha essa conversa com a escola sem um embasamento.
    Muito obrigada.

    Solimar Caetano
    Meu e-mail:solicaetano@hotmail.com

    ResponderExcluir
  38. Oi Solimar!
    Tudo bem?
    Segundo a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional a data base de aniversário para a matricula de crianças na primeira série é dia 31 de março. Ou seja, como seu menino faz aniversário em junho, ele deve sim permanecer na Educação Infantil. Essa é uma exigência da lei e a escola não pode modificar.
    Não precisa ficar ansiosa e antecipar etapas. A educação infantil vai além de saber cores, números e letras. Poder brincar, aprender a cuidar de si, dançar, ouvir boas histórias, desenhar, se movimentar livremente são aprendizados importantes que precisam ser valorizados na pré-escola e que ele precisa vivenciar. Portanto não se preocupe se ele ficar mais um ano no infantil, mas exija que a escola proporcione tudo isso a ele.
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  39. Olá Janaina,
    Sou professor de judô e gostaria de saber sua opinião sobre a inserção das artes marciais (lutas) no PCN de 5 a 8ª série? E também qual sua abordagem mais adequada para essa disciplina.
    Parabéns pelo blog e pelos textos produzidos.

    ResponderExcluir
  40. Oi Regis, o foco do meu trabalho e de meus estudos, é a educação de criança de 0 a 5 anos e 11 meses, em instituições educativas. Sinto, mas não tenho aprofundamento nas questões relativas às práticas relacionadas as crianças mais velhas.
    Abraço!

    ResponderExcluir

Olá! Comente aqui sua opinião!